PLANEJAR – EXECUTAR – INOVAR

MARCELO.Still001Esta claro que 2017 será um ano para ajustar algumas arestas e remodelar nossa entidade. As visões do mundo do trabalho se renovam, mais do que nunca os trabalhadores necessitam se aliar as suas entidades sindicais, vimos que em 2016 a frase “A inflação está garantida” não foi bem assim e com a questão do negociado sobre o legislado da famigerada reforma trabalhista, as coisas podem piorar! Dissemos não a PEC 55 e nossos parlamentares ignoraram e aprovaram a proposta para garantir seus interesses, e com a Reforma da Previdência (PEC 287)? Como será? O SEAAC de São José dos Campos já realizou duas atividades importantes esse ano, no dia 25 de janeiro realizou-se nosso Planejamento Anual e no início de fevereiro o Seminário de Negociações. Vamos com tudo cobrar os direitos e benefícios dos nossos representados, sem deixar de prestar atenção no Cenário Político. Trabalhar para conseguir aumento real nos salários e fortalecer a imagem das entidades sindicais do ramo de Comércio e Serviços, buscando se aliar a sindicatos cutistas ou não, que desenvolvem ações positivas para os trabalhadores. Nossa categoria tem qualidade para ocupar vários espaços e buscar estratégias para melhorar a vida dos trabalhadores ao contrário desse governo golpista que escancara a vergonha de ser menos organizado do que os criminosos presos! Temos que seguir o exemplo dos cidadãos colombianos que deixaram de ouvir as mentiras da mídia e dos líderes de direita que lucram com os conflitos para costurar um Acordo de Paz. Assim, seguimos como entidade sindical, negociando para conquistar além de reajustes salarias o respeito e a paz que merecemos.

PRESIDÊNCIA
MARCELO.Still001Na década de 80 participou ativamente de alguns movimentos religiosos, porém iniciou sua trajetória política no Movimento Estudantil, onde de 86 à 90 esteve a frente de Grêmios e colaborou para regularização do tão sonhado direito que hoje têm os estudantes de pagar meia entrada, despertando uma consciência de luta em busca do bem comum. No inicio dos anos 90 passou a atuar na defesa de interesses dos trabalhadores através de Sindicatos e pela Federação onde realizou vários trabalhos.Marcelo Ribeiro da Silva nasceu em São João do Pau D’Alho- SP, em 30 de outubro de 1972. Casado, pai de quatro filhos, Contador, residente em são José dos Campos. Começou cedo sua trajetória de lutas e conquistas. Desde os doze anos de idade já trabalhava o dia todo, passando por algumas empresas, dentre elas as lojas Gloria LTDA onde trabalhou quase 5 anos. Sempre em busca de novos conhecimentos cursou faculdade de Direito sem ter concluído, atualmente cursa Licenciatura em Matemática.

Em 1997 iniciou sua historia como sindicalista em são José dos campos. Funcionário de um escritório de contabilidade, logo começou sua participação nas atividades do SEAAC, Visando à proteção dos direitos dos trabalhadores, contribuiu para que o mesmo fosse regularizado. Para Marcelo Ribeiro o conceito de ser Sindicalista é um movimento social de associação de trabalhadores que visa à proteção dos seus interesses. Ao mesmo tempo, é também uma doutrina política segundo a qual os trabalhadores agrupados em sindicatos devem ter um papel ativo na condução da sociedade.

Em 05 de novembro de 1998 foi eleito Presidente do Sindicato. Desde então vem envidando esforços para construir uma entidade séria e forte, que luta pelos anseios de seus representados. Conseguiu proporcionar uma estrutura de atendimento direta para os trabalhadores com a criação de uma filial em Taubaté, duas sub-sedes uma em Jacareí e outra em Caraguatatuba e dois pontos de atendimento um Guaratinguetá e outro em Campos do Jordão. Conquistou a tão sonhada sede própria em São José onde, com empregados e diretores, vem trabalhando para criar uma imagem positiva da entidade no contexto nacional.

Atualmente além de Presidente do SEAAC, ocupa o cargo de Suplente da Coordenação Sindical da região sudeste da CONTRACS CUT, prestando seus trabalhos nos seguintes Estados, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais. Tem se dedicado com persistência a promover a evolução das categorias representadas, e até mesmo daquelas que não representamos, assim abrimos espaço para atender uma categoria não organizada, prestando atendimentos às trabalhadoras domésticos.

O SEAAC visa ser um sindicato profissional qualificado, capaz de disseminar conceitos de confiança, fortalecer e ampliar as conquistas da classe, tornando-se um porto seguro dos trabalhadores. “Continuarei lutando por conquistas econômicas e sociais para nossos trabalhadores representados”.